BlogMarketing Digital

Como manter as vendas em tempos de “portas fechadas”?

O que deveria ser um momento passageiro, tornou-se uma rotina confusa de vem e vai. Essa é a quarentena no Brasil. Infelizmente o coronavírus ainda continua em circulação e fazendo muitas vítimas. Com isso, praticamente toda semana novas medidas em relação ao comércio que acabam afetando as lojas e estabelecimentos. Por isso, como manter as vendas nesse período de “portas fechadas”? 😥

Apesar de algumas cidades já estarem voltando a normalidade, a maioria dos consumidores ainda tem receio em sair de casa, com isso mudaram seus hábitos de consumo e passaram a realizar compras na internet. Assim, é hora de se reinventar para não perder clientes durante e nem depois da pandemia.

Pensando nisso listamos alguns recursos que você pode implementar para minimizar os efeitos das portas fechadas, evitar a queda dos lucros da loja e manter o relacionamento com seus clientes mesmo nesse período difícil.

Como manter as vendas? 4 maneiras que podem te ajudar

Nenhuma empresa é igual e cada uma tem suas particularidades. Existem certos produtos ou serviços que não podem ser vendidos online ou entregue a distância. Por isso separamos dicas que se encaixam para os mais diferentes tipos de negócios que querem saber como manter as vendas em tempos de “portas fechadas”. Então vamos lá! 🚀

Redes Sociais

Não há como negar que os brasileiros amam redes sociais, afinal, os números comprovam isso. Com uma média diária de 3h34 online em redes sociais, o Brasil ficou em segundo no ranking de tempo gasto nesse tipo de site, perdendo somente para Filipinas.

E a tendência é que isso continue crescendo: no último ano, por exemplo, foram 10 milhões de novos usuários brasileiros em redes sociais, um aumento de 8% em relação ao período anterior. Os números são do relatório Digital in 2019, do site We Are Social.

Ou seja, entre tantos usuários, com certeza você pode encontrar vários interessados na sua empresa. Por isso é tão importante criar perfis para sua marca nas redes sociais. Além disso, tanto o Facebook quanto o Instagram tem lançado ferramentas e aprimorado recursos para que as empresas divulguem seus serviços e alcancem bons resultados.

Por exemplo, se você possui uma loja de roupas, hoje o Instagram é o melhor lugar para você destacar as peças e, se quiser, vender por lá mesmo. Agora, se você é dono de um restaurante, o Facebook pode te ajudar com a função cardápio e horários de funcionamento.

Confira também:

Catálogo online

Muitos consumidores ainda preferem evitar contatos mais diretos com outras pessoas para se proteger do novo coronavírus, com isso a solução tem sido realizar compras pela internet. Para aqueles que não possuem uma loja virtual, mas sentem a necessidade de se adaptar a nova realidade, o catálogo online é a ferramenta ideal.

O catálogo online nada mais é do que uma listagem de todos os produtos que são vendidos por uma determinada empresa disponível na internet. Portanto, os clientes podem encontrar facilmente o que precisam sem a necessidade de sair de casa.

Com esse recurso, você pode apresentar seus produtos com fotos, incluir uma descrição e o preço. Depois é só compartilhar com seus potenciais clientes através do WhatsApp e, se preferir, receber o pedido pelo aplicativo mesmo. De forma simples e descomplicada.

A melhor parte do catálogo online é que o seu negócio fica aberto 7 dias por semana, 24h por dia. Assim os consumidores podem escolher tranquilamente o que desejam e, se você tiver condições de implantar um delivery, pode levar até a residência deles.

E-mail

Muitos consideram o e-mail uma ferramenta ultrapassada. Mas, se você for para pra pensar, sem um e-mail é quase impossível fazer qualquer coisa na internet. Você precisa dele para fazer login em redes sociais ou se cadastrar em sites. O e-mail é recurso indispensável e ainda muito utilizado pelos usuários. Tanto que 58% das pessoas verificam sua caixa de entrada antes mesmo de acessar as redes sociais, portais de notícias ou canais de comunicação do trabalho.

Você pode usar o e-mail para enviar aos usuários promoções, cupons de desconto ou apenas conteúdos relevantes sobre o seu negócio. Caso tenha uma loja virtual, o e-mail pode ser usado como um “gancho” para os usuários que abandonaram o carrinho. Para se ter uma ideia, o envio de 3 e-mails de carrinho abandonado resulta em 69% mais pedidos em vez de enviar um único e-mail.

WhatsApp

Por fim, não podia faltar o aplicativo de bate-papo mais querido dos brasileiros, né? Desde que lançou sua versão business, o WhatsApp tem sido um excelente aliado para as pequenas, médias e grandes empresas. Isso porque permite a criação de um perfil comercial com informações sobre horário de atendimento, cadastro de respostas rápidas, etiquetas para organização e muitos outros recursos.

E o melhor de tudo é que logo logo o WhatsApp estará aceitando pagamentos diretamente pelo aplicativo. Assim você pode usá-lo para esclarecer dúvidas, receber pedidos e realizar toda a transação sem a necessidade de outros apps. Se você não sabe como criar um perfil no WhatsApp Business ou como funciona, é só clicar aqui e conferir todas as informações.

Bom, agora você já sabe como manter as vendas mesmo nesse momento difícil pelo qual estamos passando. Mas para que essas ações sejam ainda mais eficazes, o ideal é que você tenha um bom planejamento de acordo com seus objetivos. E nós podemos te ajudar! Entre em contato conosco e saiba mais.

Faça um comentário

Postagens relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *