BlogMarketing Digital

Métricas de marketing digital: 5 indicadores vitais para acompanhar

Avalie esse artigo

As métricas de marketing digital são elementos essenciais para o acompanhamento de uma campanha. Elas nos proporcionam, por exemplo, uma das maiores vantagens do marketing online: saber, precisamente, a efetividade de cada estratégia.

Isso significa que a quantidade de indicadores utilizada favorece a mensuração de resultados e, consequentemente, a otimização das campanhas? Bem, tudo depende da qualidade e utilidade dos indicadores em questão. Por isso, cuidados com as métricas de vaidade são necessários.

Métricas de vaidade nada mais são do que indicadores irrelevantes em termos práticos. Um perfeito exemplo disso é o alto índice de curtidas nos posts de Facebook, geralmente dissonante do número de visitas ao site oficial gerado pela publicação. Likes são legais e empolgantes, mas, muitas vezes, são ilusórios.

Pensando em ajudá-lo a trabalhar com métricas de marketing digital mais eficientes, listamos, abaixo, cinco indicadores extremamente úteis para determinar a qualidade de suas campanhas. Vamos a eles?

1. Retorno sobre investimento

Mais conhecido pelo acrônimo ROI (Return on Investment, do inglês), o retorno sobre investimento consiste em calcular a porcentagem de lucro dos esforços financeiros de marketing. Por exemplo, quanto a empresa recebeu em vista de quanto investiu?

A fórmula para encontrar a resposta é:

ROI = receita gerada – custo de investimento / custo de investimento

O que faz do ROI uma das mais importantes métricas de marketing digital é a possibilidade de entendermos, por meio do cálculo, quais ações de marketing estão gerando bons e maus resultados. É, basicamente, o ponto de partida para otimizar as estratégias.

2. Taxa de conversão

Uma conversão se caracteriza pelo cumprimento de etapas que aproximam o lead das compras, como: assinatura de newsletter, respostas positivas em telefonemas, download de materiais fornecidos pela empresa, teste do produto ou serviço, consumo de conteúdos do blog etc.

A alta taxa de conversão indica não apenas que o lead está prestes a se tornar um cliente, mas, também, que as ações planejadas pelo time de marketing estão surtindo efeito nas campanhas. Por outro lado, a taxa negativa é um alerta para que melhorias sejam feitas.

3. Quantidade de avaliações

Contanto que sua empresa venda produtos ou serviços que possibilitem a oferta de avaliação gratuita, a quantidade de solicitações é uma métrica de marketing digital crucial para avaliar o desempenho de marketing.

Por que ela é tão importante? Porque, de certa forma, a inscrição para avaliação completa a missão do time de marketing — que convenceu o lead de que o produto solucionará seus conflitos. A conversão de venda ocorrerá mediante o grau de satisfação do lead, algo que depende da qualidade do produto em si.

4. Tráfego do site

O tráfego do site é uma métrica bastante simples, afinal, basta colocarmos um site no ar para adquirirmos o anseio em saber quantas pessoas o visualizaram. Todavia, ela continua sendo um excelente indicador de sucesso (ou fracasso) de uma estratégia de marketing.

Ao analisarmos o tráfego mais detidamente, explorando a sua origem (orgânico, redes sociais, links patrocinados, acesso direto, backlinks etc.) e o tempo gasto no site, chegaremos aos fatores que estão influenciando diretamente no desempenho.

5. Ticket médio

Quanto gasta cada cliente com produtos e serviços oferecidos por sua empresa? Entender a receita gerada acerca do consumo é interessante para que saibamos onde investir os próximos esforços de marketing e, também, descobrir o lucro gerado por cada consumidor. O propósito do ticket médio é, justamente, fornecer essas informações.

Para encontrar o ticket médio (valor médio consumido pelo cliente), basta dividirmos a receita mensal pelo respectivo número de clientes (Ticket médio mensal = receita mensal / quantidade de clientes no mês).

Frisando que os indicadores mencionados são uma pequena parcela de todas as métricas de marketing digital cuja utilidade é equiparável, como: taxa de abertura de emails, quantidade de comentários, ciclo de vida do cliente, custo por lead, entre outras — que podemos abordar em outra oportunidade.

Já pensou no que fazer caso as métricas de marketing digital apontem muitos aspectos negativos? Aproveite para aprender como construir (ou reconstruir) as suas estratégias de marketing digital!

Faça um comentário
Tags

Postagens relacionadas

Um comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *