BlogMarketing Digital

5 tipos de conteúdo essenciais no seu blog corporativo e redes sociais

Avalie esse artigo

Com a grande ascensão que vive o Marketing de Conteúdo nos últimos anos, surgem muitas empresas, iniciantes no assunto, com dúvidas diversas quanto aos tipos de conteúdo imprescindíveis para todo e qualquer blog corporativo e / ou redes sociais.

Embora as estratégias variem de uma empresa para outra, é inegável que há determinados tipos de conteúdo que seguem por via de regras devido aos respectivos objetivos que eles cumprem; como o aumento nas buscas orgânicas e engajamento nas redes sociais.

Por exemplo, para ranquear bem no Google o blog necessita de artigos; se a ideia é gerar backlinks, gerar compartilhamentos no Instagram, entre outras metas de compartilhamento, o ideal é criar infográficos incríveis e relevantes. Percebeu como a estratégia está por trás de tudo?

Agora que compreendemos que a questão não é, simplesmente, diversificar o conteúdo por capricho, tampouco se basear num único formato que pareça funcionar melhor, que tal conferirmos as principais alternativas para o seu projeto? Veja, a seguir, 5 tipos de conteúdo que podem ajudá-lo!

1. Vídeos

Entre os tipos de conteúdo que fazem sucesso hoje em dia, o vídeo é, sem dúvidas, o formato que mais vem ganhando destaque — muito disso se deve ao Youtube, visto que 99% do público que assiste vídeos online usam a plataforma (Google).

Outro insight interessante dessa pesquisa do Google é a constatação de que o brasileiro, em média, passa 15,4 horas por semana assistindo a vídeos na web, ou seja, tem tudo para ultrapassar a TV nos próximos anos.

A sua empresa pode aproveitar essa oportunidade de várias maneiras, como: publicar tutoriais em vídeo (screencasts, por exemplo); lives no Youtube, campanhas de publicidade etc.

2. Infográficos

Conforme dissemos no início do artigo, os infográficos são os tipos de conteúdo ideais para ampliar o alcance da campanha devido às facilidades e tendências de compartilhamento. Isso acontece porque infográficos podem ser publicados na maioria dos canais, são atrativos visualmente e, sobretudo, ricos em informações.

Em termos de SEO o resultado que um bom infográfico pode proporcionar é incrível. Dependendo da qualidade e relevância, as chances de outros sites compartilharem-no são grandes, o que geraria backlinks para o seu blog e melhoraria a autoridade da sua marca.

3. Ebooks

Os ebooks são essenciais para a sua estratégia de funil de vendas, afinal, como são materiais ricos e de alta relevância para o público-alvo, eles atraem as assinaturas que o blog tanto precisa. Mas por que isso faz tanta diferença?

O conceito de funil de vendas está ligado a educar o Lead até que ele se encontre pronto para interagir com os vendedores da empresa, o que exige que ele passe por uma série de etapas que, em geral, consistem na distribuição de conteúdos segmentados via email (nutrição de Leads).

4. Artigos de “como fazer”

Aproveitando que mencionamos a nutrição de leads, vale destacar que artigos do tipo “como fazer” (“how to”, do inglês) são excelentes conteúdos tanto para nutrir seus Leads, quanto para gerar tráfego orgânico no blog.

Isso porque as pessoas que usam a Internet para buscar informações são potencialmente interessadas em aprender como fazer algo e, quando uma empresa as ensina, a tendência é de que elas confiem na marca a ponto de segui-la.

5. Podcasts

Embora esteja bem longe de ser um formato novo, os podcasts — programas gravados em áudio e distribuídos online, muito parecido com o rádio — fazem bastante sucesso com o público — dependendo de suas características, evidentemente.

Por exemplo, muitas pessoas gostam de absorver conteúdo enquanto fazem outras atividades, como quando estão no carro rumo ao trabalho, na rua ou até mesmo em casa. Logo, os podcasts são dos poucos tipos de conteúdo que podem ser executados em segundo plano.

Além disso, os podcasts têm grande potencial para melhorar o posicionamento do site no Google, visto que atrai assinantes e, consequentemente, um tráfego bastante sólido formado pelos fãs do blog.

Ao incluir em sua estratégia os tipos de conteúdo aqui mencionados, além de ampliar as possibilidades no mundo virtual, o seu negócio conquistará mais autoridade e tráfego qualificado para o site. Então, já sabe por qual dos formatos vai começar?

Gostou das dicas? Aproveite para compartilhá-las com os seus amigos nas redes sociais!

Faça um comentário
Tags

Postagens relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *