BlogMarketing Digital

Descubra como a pesquisa por voz impacta no seu SEO

Quando você não sabe fazer alguma coisa ou quer saber o porquê de algo, faz o quê? Geralmente, joga no Google, certo? E, hoje, para fazer uma pesquisa não é mais necessário digitar os termos no campo de busca, basta simplesmente dizer qual é a sua dúvida para receber uma resposta prontamente. Ou seja, fazer uma pesquisa por voz.

Desde que o celular ultrapassou os computadores e se tornou o principal meio de acesso à internet, a pesquisa por voz tem crescido e é uma tendência para os próximos anos. Isso porque ela permite que o usuário faça uma busca apenas ao falar no microfone do dispositivo (smartphone, tablet ou notebook). Além disso, a maioria dos smartphones possuem assistentes pessoais — Siri (iOS), Cortana (Windows), Google Assistant (Android) e outras — que nos ajudam nessa busca e compreendem comandos por voz.

Mas, com esse novo formato de pesquisa, como os conteúdos são encontrados na web? Como a pesquisa por voz impacta nas ações de SEO? Acompanhe!

Como funciona a pesquisa por voz?

Todos os anos o Google — maior site de buscas no mundo — faz atualizações no seu algoritmo de ranqueamento com o propósito de melhorar seus resultados e apresentar os mais relevantes para os usuários. E foi a partir de algumas melhorias feitas em 2013, com a atualização Hummingbird, que a plataforma passou a compreender melhor as consultas dos usuários.

O foco principal deste novo algoritmo foi aumentar a compreensão da semântica nas buscas. Ou seja, ao invés de se preocupar com palavras exatas, o Google mudou o seu foco para a intenção do usuário. Por exemplo, quando pergunto “qual é o cinema mais próximo de mim?”, ele imediatamente me apresenta uma lista de opções localizados na região.

Enquanto outros mecanismos de pesquisas tendem a ler apenas as palavras-chave do seu termo de pesquisa, como “cinema”. O Google leva em consideração toda a declaração, o que ajuda a “entender” melhor os objetivos dos usuários.

Desta maneira, o bom e velho SEO (Search Engine Optimization) precisa se adaptar a crescente adesão das pesquisas por voz. Assim, é necessário parar de nos comportar de acordo com a máquina, que trabalhava somente com palavras-chave exatas. E nos concentrar em compreender a mente humana e as reais necessidades que os usuários possuem.

Como adaptar minha estratégia de SEO?

A busca está cada vez mais falada que escrita. E se você quer manter o seu posicionamento na web e ser encontrado pelos usuários, adaptar o seu conteúdo ou as informações do site da sua empresa é fundamental.

Quer saber como você pode começar? Confira!

Faça mais perguntas

Você já notou que ao fazer uma pesquisa por voz, fazemos mais perguntas do que em relação a busca digitada? Por exemplo, ao invés de apenas falar “previsão do tempo”, questionamos “vai chover amanhã?”. Ao desenvolver o conteúdo da sua empresa é importante levar esse fator em consideração.

Crie títulos em formato de perguntas ou que sejam capazes de responder as dúvidas dos usuários. Desta maneira, após identificar qual é a dúvida do usuário, o algoritmo irá direcioná-lo para o seu conteúdo. Ao longo desse conteúdo, por exemplo, você obtém mais informações sobre a pesquisa por voz devido as perguntas que separam as sessões.

Cadastre-se no Google Meu Negócio

O Google Meu Negócio é uma plataforma onde empreendedores podem cadastrar informações sobre seus negócios, como endereço, telefone, imagens e horário de funcionamento. Desta maneira, quando fazemos uma pesquisa por voz sobre algum estabelecimento, ele é facilmente encontrado devido aos dados que foram registrados.

Além disso, a pesquisa por voz é fundamental no contexto da localização. Assim, cadastrar o negócio nessa plataforma aumenta as possibilidades dele aparecer nos primeiros resultados de acordo com a região.

É muito importante também manter o perfil do seu negócio atualizado para favorecer o seu posicionamento na internet. Para saber mais sobre esse recurso e como ele funciona, clique aqui e confira nosso conteúdo sobre o tema.

Otimize para os featured snippets

Os featured snippets são as primeiras respostas que o Google apresenta, ficam logo no topo da página. Por isso também são chamados de “posição 0 no Google”. Se fizermos uma busca por “qual é o tamanho da Torre Eiffel”, por exemplo, veremos como primeiro resultado uma caixa com a informação “300 m” e outras pesquisas relacionadas.

Se você acha que esse fator não tem nada a ver com as pesquisas por voz, saiba que está equivocado. Algumas assistentes pessoais e outras soluções que fazem o uso da voz na busca, leem justamente o featured snippet ou mostram esse conteúdo na tela quando o usuário faz uma determinada pergunta. Desta maneira, invista na produção de conteúdos completos e informativos sobre a sua empresa, sua área de atuação ou outros assuntos relacionados. Crie introduções claras que expliquem o tema e sejam convidativas.

Certamente as pesquisas digitadas ainda vão perdurar por muito tempo. Mas a pesquisa por voz tem crescido a cada ano e se tornado cada vez mais comum. Dessa maneira, as empresas que começarem a adaptar seus conteúdos e ações de marketing digital, logo terão melhores resultados.

Gostou do nosso conteúdo? Receba artigos como esse diretamente na sua caixa de entrada, cadastre-se na nossa newsletter! 💖

Receba conteúdos exclusivos!


Faça um comentário

Postagens relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Close