BlogFranquias

Canvas: O que é, como usá-lo e template para download

Se você tem uma boa ideia de negócio e está pronto para abrir sua própria empresa, chegou a hora de tirá-la do papel. Na verdade, é o momento de colocá-la no papel, ou seja, estruturar o seu negócio com o auxílio do Business Model Canvas, ou apenas Canvas.

Antes de realmente abrir as portas do seu negócio é preciso estabelecer alguns pontos, ter seu funcionamento estruturado, para a gestão e a operação acontecerem adequadamente. É aqui que entra o Canvas. Uma ferramenta de planejamento estratégico, totalmente visual, te ajuda a desenvolver e organizar a estruturação de modelos de negócio novos ou existentes.

Talvez o que é e qual é o objetivo dessa metodologia ainda estejam confusos para você. Mas, a seguir você pode conferir mais informações detalhadas, além de um template pronto.

O que é o Canvas?

O Canvas é uma metodologia criada em meados dos anos 2000 pelo Suíço Alex Osterwalder em sua tese de doutorado na prestigiada HEC Lausanne, com colaborações de Yves Pigneur. Essa ferramenta ajuda o empreendedor a definir os principais detalhes da empresa que pretende abrir. Ou seja, com as informações obtidas através do Canvas é possível entender se o negócio é viável e também a organizá-lo antes de iniciar.

A estrutura do Canvas é muito simples, o que torna todo o processo mais intuitivo, detalhado e facilmente visualizado. Para isso, é necessário preencher os seguintes campos:

  1. Proposta de valor: Refere-se ao que a sua empresa irá oferecer para o mercado que realmente terá valor para os clientes;
  2. Atividades-chave: Quais são as atividades a serem realizadas para que seja possível alcançar a proposta de valor;
  3. Parcerias-chave: Trata-se de atividades essenciais que são realizadas de maneira terceirizada e os recursos principais adquiridos fora da empresa;
  4. Recursos-chave: Quais são os recursos necessários para que as atividades-chaves sejam realizadas;
  5. Relacionamento com clientes: Refere-se ao modo como a sua empresa irá se relacionar com cada segmento de clientes;
  6. Segmentos de clientes: Quais perfis de clientes serão o foco do seu negócio;
  7. Canais de distribuição: Como seus clientes compram e recebem seus produtos ou serviços;
  8. Estrutura de custos: Trata-se dos custos necessários para que a estrutura proposta possa funcionar;
  9. Fluxo de receitas: São as formas de obter receita por meio de propostas de valor.

O modelo Canvas pode ser criado em uma folha de papel, em um quadro, ou até mesmo em softwares online, como do Sebrae.

Como preencher cada campo?

Os campos do Canvas devem ser preenchidos corretamente. Isso garante que a estruturação e a análise do negócio sejam feitos com sucesso.

Nós preparamos um tutorial para te ajudar a preencher passo a passo cada uma dessas etapas e, claro, compreender cada uma delas de forma prática. Você pode fazer download do template usado no vídeo ao clicar aqui. Agora, vamos ao vídeo?

Por que é importante usar esse método?

O Canvas não é um método exclusivo para aqueles que estão começando a empreender. Essa ferramenta também pode ser usada para reestruturar negócios que já existem, ou seja, a partir dela é possível se atualizar naquilo que já se faz e investir em novidades, caso seja necessário.

Além disso, essa metodologia permite que os empreendedores se desenvolvam, se reinventem e entreguem mais valor e, consequentemente, se destaquem da concorrência.

Ao saber em que caminho está e qual quer seguir, o empreendedor consegue pensar em novos produtos e atuar em outros mercados, sem receio ou insegurança de se perder no caminho, pois ainda terá uma gestão bem elaborada.

É importante destacar que você pode fazer mudanças ao preencher o Canvas para adaptar corretamente ao seu negócio. Afinal, com o passar do tempo é normal que a empresa comece a tomar outros rumos e seja necessário estruturá-la novamente. Mas, agora que você já sabe o que é o Canvas e como usá-lo, isso não será problema, né?

Quer receber conteúdos como este diretamente na sua caixa de entrada? Assine nossa newsletter!


Faça um comentário

Postagens relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *