BlogMarketing Digital

Como vender meu produto ou serviço usando um blog?

A venda de produtos através da internet mudou consideravelmente a forma como diversas empresas fazem negócios. Especialmente na interação com seu público. O blog, por exemplo, é uma ferramenta cada vez mais utilizada para vender produtos e serviços online, ou ao menos para captar clientes para sua loja virtual.

Porém, apenas ter um blog não é suficiente para gerar resultados visíveis. Você precisa saber como estruturá-lo, quais são as qualidades que seu público busca, como fazer seu posicionamento de marca, entre outras coisas. Dedicar tempo, energia e recursos a uma página sem saber como construí-la adequadamente apenas diminuirá seu desempenho.

Quer ajuda para vender seus produtos e serviços usando um blog? Então, acompanhe e descubra tudo que precisa saber:

Foco no produto, não na empresa

Um dos maiores erros na hora de montar um blog é começar a criar conteúdos apenas sobre sua empresa. Sim, é importante construir a imagem do seu negócio, mas também é importante manter o público engajado com seu blog e, consequentemente, com sua empresa.

Ao invés de forçar a imagem que você deseja da sua empresa para o público, há outras opções mais efetivas:

1.   Responda dúvidas comuns do seu público

Quando um novo visitante chega ao seu blog, ele não costuma ter uma boa ideia do que você faz, do que se trata o seu produto ou quais são as condições de contratação. Tudo isso precisa ser esclarecido antes que você possa fazer qualquer proposta de venda ao seu público.

Nesse ponto, o melhor a fazer é pesquisar quais são as dúvidas mais comuns entre seus clientes em relação ao seu produto ou serviço. Podem ser coisas simples, como o método de uso ou situações adequadas de aplicação, desde que isso traga algum valor real e imediato ao leitor. Dessa forma, ele sairá satisfeito e você tem mais chances de convertê-lo.

2.   Destaque sempre sua utilidade

Quando você estiver falando especificamente de seus produtos e serviços, pode ser tentador apenas dizer que eles são “ótimos” e “de excelente qualidade”. Você pode dizer isso, mas é importante ter argumentos sólidos para embasar todas as suas afirmações. É uma armadilha terrivelmente comum fazer afirmações vazias em um blog.

Sempre que você escolher um produto para divulgar, pergunte-se “por que alguém precisa disso?”. Se você tiver a resposta, então já pode começar a desenvolver um conteúdo mais relevante para seu público. Se o texto não responde esta pergunta, então é melhor revisar seu conteúdo planejado.

Use o Google e Facebok Ads

Dentro da página de estatísticas do seu blog, você encontrará dois tipos de visitas: pagas e orgânicas. O alcance orgânico é aquele obtido naturalmente por links externos e pesquisas, possuindo maior valor para você e para sua empresa. O alcance pago, como o nome diz, é resultado de campanhas de atração com focos mais específicos.

Em um mundo ideal, você já teria visitantes suficientes com o alcance orgânico, mas esse não costuma ser o caso. Para alimentar a movimentação em seu blog, você deve sempre investir em divulgação paga. O Google Ads e o Facebook Ads são as melhores opções disponíveis, pois possuem alcance mais amplo. Se você souber como direcionar suas campanhas, elas podem gerar uma alta taxa de conversão.

Invista bastante na geração de Leads

Caso você não conheça o termo, o lead é um indivíduo que tem potencial para se tornar um cliente no futuro próximo. Esse tipo de pessoa geralmente precisa do seu produto ou serviço, mas ainda não entende o próprio problema e precisa de mais informações antes. Quanto mais leads você é capaz de gerar com seu blog, mais fácil é fechar novos negócios.

Para te ajudar neste ponto, veja aqui as melhores formas de captar e nutrir leads em seu blog:

1.   Call to Action

A chamada para ação, ou CTA, é uma mensagem que fica incluída em um conteúdo ou mensagem, sempre direcionando o cliente a outras ações, como assinar sua newsletter, ler outro artigo ou mesmo indo diretamente para a compra. A intenção aqui é bem simples: manter o lead engajado e levá-lo mais e mais para a decisão de compra.

A chave aqui é saber qual chamada usar para cada momento. Afinal, você não pode enviar um novo visitante diretamente para a página de compra sem construir uma relação com ele primeiro. Seja paciente e planeje esse desenvolvimento para obter melhores resultados.

2.   Tenha um follow up para cada contato

O processo de follow up, de forma simples, consiste em sempre ter um próximo passo para seu público executar. A chamada em si é uma forma de gerar um follow up, pois leva o cliente a tomar uma nova ação. Porém, o mesmo vale para newsletters e outras formas de contato.

O importante é não deixar que seu lead perca o engajamento. Ele deve sempre ter algo mais a fazer depois de cada ação. Se você deixá-lo sem direcionamento, logo ele perderá interesse.

3.   Formulário de cadastro

Em algum momento, você vai precisar captar informações mais específicas sobre seus leads. Coisas que apenas eles podem informar. Para isso, uma boa opção é criar formulários de cadastro em seu blog. Dessa forma, você pode coletar os dados que precisa sem grande dificuldade.

Claro que ninguém vai preencher um cadastro a troco de nada. Você precisa oferecer algo em troca, como um e-book ou cupom por exemplo. Com essa pequena recompensa, seus leads estarão muito mais dispostos a cooperar.

4.   Integração com outros canais

Por fim, mas não menos importante, você pode gerar leads com mais facilidade ao integrar suas ações com outros canais de divulgação, especialmente as redes sociais. Dessa forma, você pode redirecionar seu público entre estes meios de comunicação e aumentar o engajamento com a marca. E, se você tiver vários canais bem estruturados, verá os resultados mais diretamente em suas taxas de conversão e rentabilidade.

Agora que você entende melhor como vender seus produtos e serviços usando um blog, é hora de começar a usá-los para melhorar sua rentabilidade. Se quiser continuar recebendo mais dicas como estas, assine nossa newsletter e fique sempre por dentro de nossas novidades.

Faça um comentário

Postagens relacionadas

4 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Close