BlogFranquias

Circular de oferta de franquia: O que deve ser analisado nesse documento?

Avalie esse artigo

Abrir um negócio é um sonho para muitos profissionais, mas também um desafio que exige muito conhecimento e tempo para gerar lucro. Por isso, como alternativa, alguns buscam o modelo de franquia, onde você começa a trabalhar já com uma marca conhecida. Mas, para escolher o lugar certo para se afiliar, você deve saber ler a circular de oferta de franquia.

Também chamada de COF, é um documento que a empresa franqueadora deve apresentar aos seus possíveis investidores antes de assinar o contrato de franquia propriamente dito. Pelo menos 10 dias antes da assinatura. Nele devem constar todas as informações necessárias ao franqueado para que ele tome uma decisão.

Como qualquer contrato, você deve saber o que procurar. E para te ajudar com essa tarefa, trouxemos aqui os 5 principais pontos que você deve observar ao ler uma circular de oferta de franquia. Confira:

1. Linguagem compreensível, clara e em português

businessman-examining-papers-at-table_1262-3706

Essa pode parecer bem óbvia agora, mas raramente é algo que se pensa quando se lê o contrato. Como há cada vez mais empresas estrangeiras expandindo suas franquias aqui pelo Brasil, não é raro ver que algumas ainda redigem seus contratos em inglês, ou que a tradução não foi feita adequadamente. Por isso foi adicionada às regras de franchising que todo contrato deve estar redigido em bom português.

Além disso, é importante que todos os detalhes sejam bem compreensíveis e diretos. Não é de hoje que se ouve falar em contratos redigidos justamente para confundir quem está lendo. Por isso, sempre que você começar a ver palavras confusas e frases muito longas, fique atento. Claro, pode ser apenas um problema de escrita.

2. Descrição do negócio e dos serviços

sales-manager-giving-advice-application-form-document-considering-mortgage-loan-offer-for-car-and-house-insurance_1715-1394

Se a circular de oferta de franquia passou no primeiro teste, a próxima coisa a fazer é avaliar a descrição do trabalho. “Ah, mas isso eu já sei desde antes do primeiro contato” você diz. Sim, você pode saber o que a empresa faz, mas aqui estarão todos os detalhes que interessam a um gerente de filial.

Dentre todas as letras miúdas, devem constar coisas como: territorialidade do negócio; permissões e restrições do franqueado; políticas e protocolos em relação a diferentes clientes; entre outras coisas. Quanto melhor detalhada for esta sessão, mais preparado você estará para iniciar o seu trabalho.

3. Inconsistência de dados

business-young-man-explaining-terms-of-contract-to-his-client-in-the-office_1301-5759

Também não é de hoje que vemos alguns números sendo lançados de forma incorreta em planilhas e listas. Em geral, isso não passa de um acidente que pode ser rapidamente passado a limpo, mas não deixa de ser um problema caso passe despercebido. Imagine se alguém errou uma vírgula no custo de investimento, colocou um zero a mais ou a menos?

Se você encontrar números inconsistentes ao longo do contrato, liste tudo e mande para a franqueadora. É bem provável que possam conferir todos os dados e te passar as informações corretas em bem pouco tempo.

4. Ofertas mirabolantes

glasses-on-documents_1098-3661

Uma circular de oferta de franquia não é um panfleto de propaganda. Sendo assim, você espera ver números realistas, coisas para os investidores realmente interessados. Mesmo assim, não é impossível encontrar algumas coisas que não pareçam um pouco “fora da realidade”. Mais uma vez, podem ser apenas erros humanos, mas é importante estar atento.

Ao ler as sessões relativas a custos, manutenção e possíveis oportunidades da franquia, tenha certeza que os números pareçam, no mínimo, plausíveis. É melhor ter que passar pelo processo de busca novamente do que perder seu dinheiro em um mau investimento.

5. Informações de solidez da empresa

A credibilidade de um negócio é muito importante para quem pretende investir. Sendo assim, nada mais justo do que a própria empresa descrever os detalhes de sua própria estrutura. Estas seriam as informações de solidez da empresa. Isso inclui coisas como o balanço financeiro geral do negócio (uma cópia do último balanço deve estar anexada ao documento), pendências jurídicas nas quais a companhia está envolvida, seu quadro societário, etc.

Agora que você entende o que deve observar na sua circular de oferta de franquia, está preparado para se tornar um franqueado de sucesso! Sendo assim, que tal conhecer uma empresa para investir agora mesmo? Entre em contato com a Echosis, tire suas dúvidas e veja como se tornar um franqueado em marketing digital.

Faça um comentário
Tags

Postagens relacionadas